Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

terminal linux ubuntu

Seja você um novo usuário do Linux, ou já utiliza o Linux há algum tempo, nós iremos lhe dar uma mãozinha, para que você aprenda a utilizar o Terminal. O terminal não é algo que você precise ter medo — ele é uma ferramenta poderosa que possui uma grande possibilidade de usos.

Claro que você não irá apreender tudo que você precisa saber sobre o terminal do Linux, ao ler apenas um único artigo. Você terá que adquirir experiência utilizando o terminal primeiramente. Este artigo é uma introdução, esperamos que você domine o básico, assim você poderá continuar a aprender ainda mais.

Uso Básico do Terminal

Lance o terminal através do menu de aplicativos localizado no desktop, ou utilize o atalho de teclado Ctrl+t e você irá visualizar o shell bash. Existem outros shells, porém as distribuições Linux utilizam o “bash” por padrão.

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

Você poderá lançar um programa ao digitar o nome dele no prompt. Você pode executar tudo a partir do prompt — de aplicações gráficas como o Firefox a utilitários de linha de comando. (O bash na verdade possui alguns comandos integrados para administração básica de arquivos e funções também similares a programas). Diferentemente do Windows, você não precisará digitar o caminho completo de um programa para executá-lo. Por exemplo, vamos dizer que você queira lançar o Firefox. No Windows, você precisaria digitar o caminho completo até o arquivo firefox.exe. Porém no Linux, você só precisa digitar:

firefox

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

Em seguida pressione “Enter” para executar um comando digitado. Note que você não tem que adicionar um .exe ou algo semelhante — programas não possuem extensões no Linux.

Os comandos do terminal também aceitam argumentos. Os tipos de argumentos que você pode utilizar dependem dos programas. Por exemplo, o Firefox aceita endereços web como argumentos. Para lançar o Firefox e abrir o Segredos Geek, você poderia executar o seguinte comando:

firefox www.segredosgeek.com

Outros comandos possíveis que você poderá executar utilizando a função de terminal, em alguns casos, executam diretamente somente através do terminal — ou seja, não abre nenhum tipo de aplicação gráfica que executa em uma janela em separado (como o Firefox).

Instalando Softwares

Uma das coisas mais eficientes que podem ser feitas utilizando o terminal é instalar programas. Aplicações de administração de softwares, semelhante ao Centro de Softwares do Ubuntu, são uma espécie de “maquiagem mais simpática” que escondem os vários comandos do terminal que rodam em segundo plano (longe dos olhos do usuário). Ao invés de clicar e selecionar as aplicações uma-por-uma, você pode instalá-los com um comando de terminal. Você também pode instalar múltiplas aplicações com um único comando.

No Ubuntu (outras distribuições tem o seu próprio sistema de administração de pacotes), o comando para instalar um novo pacote de software é:

sudo apt-get install nomedopacote

Isto pode parecer um pouco complicado, mas ele está funcionando como o comando do Firefox, que vimos anteriormente. A linha acima lança o “sudo”, que pede a sua senha antes de iniciar o “apt-get” com privilégios de administrador “root” (raiz). O programa “apt-get” lê os argumentos “install nomedopacote” e instala um pacote chamado “nomedopacote”.

No entanto, você também pode especificar múltiplos pacotes como argumentos. Por exemplo, para instalar o navegador web Chromium e o mensageiro instantâneo Pidgin, você poderia executar este comando:

sudo apt-get install chromium-browser pidgin

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

Se você já instalou o Ubuntu e queria instalar todos os seus softwares favoritos, você poderá fazer isto com um único comando, como visto acima. Você só teria que saber os nomes dos pacotes dos seus programas favoritos, e você pode adivinhá-los facilmente — você poderá refinar suas adivinhações com a ajuda do truque de completar palavras, utilizando a tecla “Tab”, que veremos logo mais, neste tutorial.

Trabalhando com Diretórios e Arquivos

O shell procura dentro do diretório atual, ao menos que você especifique outro diretório. Por exemplo, o nano é um editor de texto simples para o terminal. O comando nano documento1 diz ao nano para lançar e abrir o arquivo chamado documento1, pressente no diretório atual. Se você quiser abrir um documento localizado em outro diretório, você terá que especificar o caminho completo para o arquivo — por exemplo, nano /home/você/Documentos/documento1.

Se você especificar um caminho para um arquivo que não existe, o nano (e muitos outros programas) criará um novo arquivo em branco no respectivo local e abrirá-lo.

Para trabalhar com arquivos e diretórios, você precisará conhecer alguns comandos básicos:

 

  • cd — aquele símbolo ~ localizado à esquerda do prompt representa o seu diretório home (ou seja, /home/você), que é o diretório padrão do terminal. Para mudar para outro diretório, você poderá utilizar o comando cd. Por exemplo, cd / mudaria para o diretório root (raiz), cd Downloads mudaria para o diretório Downloads dentro do diretório atual (logo, este comando só abrirá o diretório Downloads se o terminal estiver dentro do seu diretório home), cd /home/você/Downloads mudaria para o seu diretório “Downloads” de qualquer lugar do sistema, cd ~ mudaria para o seu diretório “home”, e cd .. avançaria um diretório acima.
  • ls — O comando ls listará os arquivos no diretório atual.

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

  • mkdir — O comando mkdir cria um novo diretório. O comando mkdir exemplo criaria um novo diretório chamado exemplo no diretório atual, enquanto mkdir/home/você/Downloads/teste criaria um novo diretório chamado teste dentro do seu diretório Downloads.
  • rm — O comando rm remove um arquivo. Por exemplo, rm /home/você/Downloads/exemplo removerá o arquivo chamado exemplo, que está dentro do diretório Downloads.
  • cp — O comando cp copia um arquivo de um local para o outro. Por exemplo, cp /home/você/Downloads copia o arquivo chamado exemplo, presente dentro do diretório atual, para /home/você/Downloads.
  • mv — O comando mv move um arquivo de um local para o outro. Ele funciona exatamente como o comando cp acima, porém move o arquivo ao invés de criar uma cópia (equivalente ao comando “recortar” do Windows). O comando mv também pode ser usado para renomear arquivos. Por exemplo, mv original renomeado move um arquivo chamado “original”, dentro do diretório atual, para um arquivo chamado “renomeado” também dentro do diretório atual, efetivamente renomeando-o.

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

Isto pode parecer um pouco complicado no início, porém estes são os comandos básicos que você precisa dominar para trabalhar com arquivos dentro do terminal. Mova-se através dos seus arquivos de sistema, utilizando o comando cd, visualize arquivos presentes no diretório atual com o comando ls, crie diretórios com o comando mkdir, e administre arquivos utilizando os comandos rm, cp e mv.

Função Autocompletar Utilizando a tecla Tab

Completar utilizando a tecla Tab é um truque muito útil. Enquanto estiver digitando alguma coisa — por exemplo, um comando, nome de um arquivo, ou algum outro tipo de argumento — você poderá pressionar a tecla Tab para autocompletar o que você estiver digitando. Por exemplo, se você digitar firef no terminal e pressionar a tecla Tab, a palavra firefox aparecerá automaticamente. Isto te livra de ter que digitar palavras exatamente — você pode pressionar Tab e o shell irá finalizar a palavra para você. Isto também funciona com pastas, nomes de arquivos, e nomes de pacotes.
Por exemplo, você pode digitar sudo apt-get install pidg e pressionar Tab para completar o nome pidgin automaticamente.

Em muitos casos, o shell não saberá o que você está tentando digitar porque pode haver múltiplas combinações. Pressione a tecla Tab uma segunda vez e você verá uma lista de possíveis correspondências. Continue digitando um pouco mais de letras, para diminuir as possibilidades, e pressione Tab novamente para continuar.

Geek Iniciante: Como começar a utilizar o terminal do Linux

Fonte: Howtogeek

Veja também: